Os 5 Maiores Destruidores de Relacionamentos

Os números de divórcios tem aumentado na última década, e muitas pessoas se perguntam sobre os principais fatores que levam um relacionamento ao seu final. A verdade é que ninguém se casa com o intuito de se separar, mas com o passar do tempo, e com a chegada dos primeiros obstáculos, muitos casamentos sucumbem e se tornam um grande problema e trauma na vida do casal!

O site do relacionamento foi atrás e vai te contar em primeira mão os 5 maiores destruidores de relacionamento:Maiores-Destruidores-de-Relacionamentos

1. Traição

Aqui está o primeiro destruidor de relacionamentos. A traição com certeza é garantia do fim de um relacionamento, seja ele feliz ou não, longo ou curto, não importa, uma traição chega de maneira destruidora trazendo feridas profundas para o casal, e infelicidade por muito tempo.

Ser traído é um dos maiores medos de qualquer ser humano pois além de fazer a pessoa se sentir usada e enganada, provoca profundos problemas sentimentais, que podem evoluir para problemas maiores, como até, em casos extremos, uma depressão.

2. Problemas Financeiros

Esse com certeza é um dos maiores destruidores de relacionamentos. Em muitos casos o amor dura enquanto a conta está cheia. A falta de dinheiro acarreta graves problemas para o casal além de uma sensação de insegurança muito grande, principalmente quando é o homem que está na berlinda financeira.

Com as dívidas aumentando começam as discussões, falta de diálogo, problemas na vida sexual que podem culminar na destruição do relacionamento.

Apenas com muita calma e muito diálogo o casal conseguirá superar a crise financeira. Essa superação exigirá um planejamento financeiro assertivo, e muita cumplicidade.

3. Falta de Sexo

A vida sexual de um casal pode ser vista como um termômetro de como anda seu casamento. Os casais que tem uma vida sexual ativa tem mais probabilidade de permanecerem casados do que aqueles que não fazem sexo regularmente.

Geralmente a falta de sexo vem devido ao cansaço acumulado, estresse do dia a dia, problemas financeiros, desinteresse no relacionamento causado até pelo ganho de peso. A falta de atração de um pelo outro pode ser um forte indício de que o casamento está chegando ao fim.

Inovar na vida sexual deve ser algo a ser feito para evitar que caia na rotina. O sexo é fundamental para a longevidade do casamento.

4. Estresse Acumulado

Com certeza você conhece alguém extremamente estressado que se torna uma pessoa difícil de se conviver. Infelizmente, esse estresse pode trazer complicações para o seu casamento. Através do estresse podem vir atitudes grosseiras, falta de compreensão, falta de paciência, gritarias e discussões.

O clima em casa pode se tornaram verdadeiro inferno quando um dos dois, ou em casos mais graves, os dois estão estressados. Todos temos os nossos problemas, mas precisamos nos cuidar para encontrar o equilíbrio da vida. Deixar as coisas de trabalho fora de casa pode ajudar. Tirar férias a dois pode ser uma excelente maneira de aliviar o peso do estresse.

5. Individualismo Exagerado

O ser humano precisa de um tempo para si, mas ao se casar, o indivíduo deve entender que abdicou de sua vida solitária, para se dedicar ao outro. A ideia não é ficar grudado o tempo todo, mas sim compartilhar bons momentos juntos, e também momentos difíceis.

O problema é quando a pessoa quer voltar a ter a vida de solteiro, quando na verdade, está casado. Começa saindo sempre sozinho,merecerem os amigos do que o cônjuge, prefere outros lugares do que sua casa. Isso tudo vai se somando e criando um ser totalmente individualista.

Pensar só em si mesmo é um dos fatores que podem destruir seu casamento. Comece a pensar primeiro no outro, assimile conseguirá tornar seu casamento mais forte!